tellmegen logo

BEM ESTAR

Medidas de obesidade infantil

Obesidade é uma patologia caracterizada por um aumento da gordura corporal. Constitui um problema de saúde pública mundial. Nos últimos 20 anos, o número de crianças obesas aumentou. No Brasil, Segundo o Ministério da Saúde, 13% dos meninos e 10% das meninas entre 5 e 19 anos sofrem com obesidade ou sobrepeso. Em 2017, pesquisadores da Organização Mundial de Saúde (OMS), junto com o Imperial College de Londres, conduziram um estudo epidemiológico e descobriram que o percentual de crianças e adolescentes obesos aumentou oito vezes em quatro décadas. A OMS coletou dados de 31,5 milhões de pessoas na faixa etária de 5 a 19 anos em 200 países.

Obesidade é uma doença crônica, complexa e multifacetada, determinada pela interação de fatores genéticos, biológicos, socioeconômicos, comportamentais e ambientais, atuando através de mediadores fisiológicos de consumo e gasto energético. Foram identificados cerca de 600 genes, marcadores e regiões cromossómicas relacionados ou ligados a fenótipos da obesidade e que participam no seu desenvolvimento. A obesidade causada por doenças mongénicas não é frequente (cerca de 5%,1); desenvolve-se precocemente e segue um curso clínico sério que deve ser avaliado precocemente nas unidades de cuidados terciários pediátricos. Está ligada a alterações na nutrição e à falta de exercício físico.

A obesidade pode ser uma causa secundária de algumas doenças infrequentes como hipotireoidismo, hipercortisolismo, deficiência de hormônio de crescimento e dano hipotalâmico, entre outras. A obesidade também pode ser uma condição resultante de alguns medicamentos, como esteróides, antipsicóticos e alguns antiepilépticos.

GENE OU REGIÃO ESTUDADA


  • 18q21.32