Capacidade antioxidante

O sistema de defesa antioxidante do organismo, em particular as enzimas glutatião peroxidase e catalase, são responsáveis por manter baixos os níveis de espécies reactivas de oxigénio (ROS) para evitar um estado fisiológico de stress oxidativo.

As espécies reactivas de oxigénio (ROS) são subprodutos da actividade celular normal. São produzidos em muitos compartimentos celulares e desempenham um papel importante nos percursos de sinalização.

No entanto, a produção excessiva de ROS perturba o sistema de defesa antioxidante do organismo e pode levar a stress oxidativo. Isto está associado ao desenvolvimento de várias doenças humanas (tais como cancro, doenças cardiovasculares, neurodegenerativas e metabólicas), inflamação e envelhecimento.

Os mecanismos antioxidantes protegem as células contra danos oxidativos induzidos por ROS. O sistema de defesa antioxidante do corpo consiste na actividade SOD (manganês superóxido dismutase), CAT (catalase), GST (glutatião S-transferase) e GSH (glutatião). A SOD catalisa a decomposição dos radicais superóxidos citotoxicos endógenos em H2O2, que é degradado pelo CAT. Por conseguinte, desempenham um papel crucial na manutenção dos níveis fisiológicos de O2 e H2O2. Por outro lado, a GSH, juntamente com a GST, tem um papel básico na defesa celular contra os radicais livres deletérios e outras espécies oxidativas. A GST catalisa a conjugação do grupo do tiol de glutatião com substratos electrofílicos, desintoxicando assim compostos endógenos como os lípidos peroxidados.

A sua actividade e capacidade de proteger as células e tecidos das ROS e os seus produtos nocivos são influenciados por polimorfismos nos genes antioxidantes.

Genes analisados

CAT GPX1

Bibliografia

Chen J., Cao Q., et al. GPx-1 polymorphism (rs1050450) contributes to tumor susceptibility: evidence from meta-analysis. J Cancer Res Clin Oncol. 2011 Oct;137(10):1553-61.

Bastaki M., Huen K., et al. Genotype-activity relationship for Mn-superoxide dismutase, glutathione peroxidase 1 and catalase in humans. Pharmacogenet Genomics. 2006 Apr;16(4):279-86.

Liu K., Liu X., et al. Two common functional catalase gene polymorphisms (rs1001179 and rs794316) and cancer susceptibility: evidence from 14,942 cancer cases and 43,285 controls. Oncotarget. 2016 Sep 27;7(39):62954-62965.

Minlikeeva A.N., Browne R.W., et al. Single-Nucleotide Polymorphisms and Markers of Oxidative Stress in Healthy Women. PLoS One. 2016 Jun 7;11(6):e0156450.

Ainda não fez um teste de DNA?

Faça seu teste genético e descubra tudo sobre si.

starter

Ancestralidade, Traços e Bem-estar

advanced

Saúde, Ancestralidade, Traços e Bem-estar

Promoção CYBER MONDAY

Até 28 de novembro

Até -25% em nossos testes de DNA

Código CYBER25